17/06/10

E por que me chamais, Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu digo?

Autor: | Dia: 17/06/10

casa-montanha-rocha

Lucas 6.46-49:
"E por que me chamais, Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu digo? Qualquer que vem a mim e ouve as minhas palavras, e as pratica, eu vos mostrarei a quem é semelhante: É semelhante ao homem que edificou uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, e pôs os alicerces sobre a rocha; e, vindo a enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa, e não a pôde abalar, porque estava fundada sobre a rocha. Mas o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces, na qual bateu com ímpeto a corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa" (Lucas 6.46-49)


Esse estudo é bem simples de entender. Vamos imaginar o seguinte:


1) O homem da primeira casa era 'crente', ouvia as palavras do pastor semanalmente, e colocou em prática tudo aquilo que ele aprendeu:
"Qualquer que vem a mim e ouve as minhas palavras, e as pratica" (Lucas 6.47)
Quando o diabo atacou ele, ficou firme, pois estava com o coração bem consolidado.

2) O homem da segunda casa também era 'crente', ouvia as palavras do seu pastor também, mas não 'dava bola' pra o que ouvia, achava que já sabia demais sobre a Bíblia e sobre vida cristã:
"Mas o que ouve e não pratica é semelhante ao homem que edificou uma casa sobre terra, sem alicerces" (Lucas 6.49)
Quando o diabo atacou ele, caiu em pecado, e muito grande foi o seu pecado.

Vemos que, dentro da Igreja de Cristo, existe esses dois tipos de pessoas, que vieram até Jesus, ouvem as palavras de Jesus, mas o diferecial não é estar ou não em uma Igreja (embora seja fundamental e bíblico fazermos parte de uma Igreja - Hb 10.25), e sim pôr em prática.

Porque chamamos Senhor, Senhor e não fazemos o que Jesus nos manda? Porque chamamos Senhor, Senhor e não deixamos o pecado e o embaraço?
"Portanto, nós também, pois estamos rodeados de tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com perseverança a carreira que nos está proposta" (Hebreus 12.1)

A Bíblia nos diz que aquele que somente ouve, mas não pratica a palavra, está se enganando a ele mesmo.

Tiago 1.23-25:
"E sede cumpridores da palavra, e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos. Porque, se alguém é ouvinte da palavra, e não cumpridor, é semelhante ao homem que contempla ao espelho o seu rosto natural; porque se contempla a si mesmo, e vai-se, e logo se esquece de como era. Aquele, porém, que atenta bem para a lei perfeita da liberdade, e nisso persevera, não sendo ouvinte esquecidiço, mas fazedor da obra, este tal será bem-aventurado no que fizer" (Tiago 1.23-25)


Então, não engane a si mesmo, achando que está muito bom só ouvir o 'sermão' de Domingo. Para se construir a vida na Rocha, que é Jesus, é necessário ir até Ele, ouvir as palavras d'Ele e praticar. Do contrário, estaremos construindo em zona de risco. Então...

...viva a Bíblia. Pratique as palavras de Jesus.

Sobre o Autor:

Silas Yudi Silas Yudi é jovem e cristão, que aprendeu desde cedo acerca do valor do sacrifício de Jesus na cruz pela sua vida. Está sempre buscando aprender algo novo da Palavra diariamente. Leia mais sobre o autor
Gostou? Não copie! A reprodução total ou parcial do conteúdo deste artigo é proibida sem a devida autorização do autor. Plágio é pecado (Jeremias 22:13).
RSS/Feed: Receba automaticamente todos os artigos deste site.
Clique aqui para assinar nosso feed. O serviço é totalmente gratuito.
Twitter: Siga o site Eu Vivo a Bíblia no Twitter.
Facebook: Curta a nossa página no Facebook:
Comentário(s) no Facebook:

1 comentários :
  1. Muito bem meu irmão concordo com suas palavras e tem o meu Amén. Viver a Bíblia é diferente de conhecer a Bíblia, mas as duas coisas juntas se completam, minhas saúdações em Cristo jesus.

    ResponderExcluir

Gostou do que leu? Comente sobre este estudo!
Obs: Todos os comentários são moderados. Regras:
- Não inclua links desnecessários no seu comentário;
- Não use palavras depreciativas, este é um site cristão;
- Escreva somente sobre o assunto do post; se deseja falar algo não relacionado ao post use o Formulário de Contato;

Os comentários no Facebook e no próprio site representam a opinião dos seus respectivos autores, e não do autor do site.